Rotulagem Anual

Rotulagem

 

 

Fontes de Energia

A energia pode ser produzida através de fontes renováveis (água, vento, sol, ondas, marés, biomassa e geotermia) ou através de fontes não renováveis (derivados do petróleo, carvão, gás natural e urânio), com consequentes malefícios para o planeta.

A utilização de fontes de energia renováveis, associada a um consumo eficiente da energia elétrica são contribuições individuais que visam reduzir os impactes negativos para o meio ambiente.

As fontes de energia utilizadas na produção da eletricidade comercializada pela Casa do Povo, nos últimos 3 anos, estão apresentadas no quadro e gráficos seguintes.

 

 

Tecnologia

Valor (%)

2017

2016

2015

Hídrica

11,3

21,7

14,0

Eólica

17,4

20,9

16,3

Cogeração Renovável

4,0

4,2

3,7

Outras Renováveis

2,8

3,1

2,7

Resíduos Sólidos Urbanos

0,7

0,8

0,7

Cogeração Fóssil

8,1

8,8

9,9

Gás Natural

19,4

10,4

10,3

Carvão

31,7

24,5

36,1

Nuclear

4,6

5,7

5,6

Fuelóleo

0,0

0,0

0,7

 

 

grafico rotulagem site

 

 

   

 

Impactes Ambientais

As centrais termoelétricas utilizam a queima de combustíveis fósseis para a produção de  eletricidade, com a consequente libertação de gases poluentes para a atmosfera. Desses destaca-se o dióxido de carbono (CO2).

O efeito de estufa é um processo físico, natural e, quando equilibrado, é fundamental para a vida na terra, tal como a conhecemos. Funciona como uma barreira aos raios solares refletidos pela terra, permitindo que o planeta se mantenha aquecido. O CO2 é um dos principais gases responsáveis pelo aumento da capacidade de retenção do efeito estufa, provocando o aumento da temperatura terrestre, fenómeno que se caracteriza por aquecimento global.

Outros gases libertados são o dióxido de enxofre (SO2) e os óxidos de azoto (NOX) responsáveis pelo aumento das chuvas ácidas, que provocam impactos negativos em rios, albufeiras e linhas de água, e nos animais e plantas que lá habitam, nas florestas, na agricultura, nos monumentos antigos,  pelo efeito  de erosão, e na saúde humana, nomeadamente ao nível do aparelho respiratório.

Os resíduos radioativos de alta atividade (RRAA), gerados em centrais nucleares são também nocivos para a saúde dos seres vivos. Portugal não tem centrais nucleares instaladas, pelo que estes resíduos são tratados nos países de origem. No entanto, em Espanha existem várias centrais nucleares, responsáveis por uma parte da energia consumida em Portugal.

As fontes de energia renováveis não produzem gases poluentes nem resíduos radioativos, mas também apresentam impactes negativos para o meio ambiente. Nomeadamente, nos habitats naturais e ecossistemas, tais como as alterações dos leitos dos rios (hídrica), alterações do habitat da avifauna (eólica), etc. A escolha criteriosa dos locais, assim como a implementação de medidas de mitigação contribuem para a minimização dos impactes ambientais.

As quantidades de emissões específicas por unidade de energia, no 3 últimos anos, associadas à produção da eletricidade comercializada pela Casa do Povo de Valongo do Vouga estão apresentadas no mapa seguinte.

 

Tipo de emissão

2017

2016

2015

CO(g/kWh)

408,85

309,09

438,64

RRAA - Resíduos Radioactivos de Alta Atividade  (μg/kWh)

22,08

27,35

28,73