Outras Actividades

logo

Casa do Povo de Valongo do Vouga
234 630 500 Seg. a Sex. 9h às 13h, das 14h às 18h.
http://www.cpvv.net/cpvv/modules/mod_image_show_gk4/cache/cpvv.slide.cpvv.cpvv1gk-is-88.jpglink
http://www.cpvv.net/cpvv/modules/mod_image_show_gk4/cache/cpvv.slide.cpvv.cultura3gk-is-88.jpglink
«
»

Outras Actividades


Em 2003 demos início, o serviço de lavandaria e engomadoria denominado “ O Cantinho da Casa do Povo “, que tem como objectivo servir todos os utentes/associados e carenciados na lavagem, em engomar e nos arranjos das roupas, a preços sociais.
Como é apanágio desta e outras direcções desta Casa, todas as propostas consideradas positivas, são acarinhadas, pelo que desde 2005 temos em funcionamento um Centro de Explicações, com professores especializados, que é considerado uma mais valia ao serviço dos jovens estudantes que pretendem tirar dúvidas nas diversas disciplinas escolares e encontrar naquele espaço quem os ajude a enfrentar as dificuldades.

Seguindo os princípios do parágrafo anterior, temos em marcha mais um serviço de âmbito escolar. A Casa do Povo é parceira da Câmara Municipal de Águeda e do Agrupamento de Escolas de Valongo do Vouga no programa de “Actividades de Enriquecimento Curricular”, tendo contratado professores de Inglês e Educação Física que asseguram a todas as crianças do 1º. Ciclo das escolas da freguesia de Valongo do Vouga, que se inscreveram, os primeiros contactos com a língua Inglesa e o Desporto.

Todas estas actividades só são possíveis porque existem duas valências que sustentam todas as outras valências, que são a valência Eléctrica e a valência Armazém Agrícola. A valência Eléctrica é uma estrutura composta por diversos Postos de Transformação de Média Tensão e uma rede própria, condutora de electricidade. Esta estrutura adquire energia em média tensão à EDP e vende-a a todos os seus utentes em baixa tensão, sendo o seu serviço devidamente reconhecido pela Entidade Reguladora do Sector Eléctrico – ERSE. A valência Agrícola também cria resultados financeiros muito interessantes, pois toda esta zona de intervenção da Casa do Povo ainda tem predominantemente uma agricultura de subsistência, pelo que desenvolve e apoia as actividades agrícolas dos seus associados através de uma pequena cooperativa.